-->
ABRALE - Crie o seu Blog


HISTÓRIAS

 

 

        Na sala de espera do ambulatório, sentei ao lado de uma senhora que há muito tempo não encontrava. Ela aguardava o esposo em mais uma sessão de quimioterapia para o tratamento de uma leucemia. 

            Seu olhar era meigo, sorriso cativante de criança e voz suave. Suas mãos eram agéis e firmes. Com extrema agilidade entrelaçava contas brancas e rosas em uma linha expessa enquanto conversávamos. 

            Me contou que o marido não gosta de vir ao hospital sozinho, pois sente medo e dor. Mas quando ela está junto, as horas passam rápido, ele não sente tanto os efeitos colaterais da medicação e não sente tanto as picadas. São casados há mais de trinta anos e tem três filhos já criados, na qual se orgulham muito. 

            Salienta que estão juntos não só por uma obrigação, pelo dever do casamento, mas por um querer estar junto, cuidar um do outro. Comento que é fácil estar junto na hora da festa, mas é preciso coragem e amor para estar junto nos momentos difíceis. 

            A bela senhora, com sua sabedoria de oriental, destaca: "É preciso ter paciência. Essas pérolas sozinhas são somente pérolas soltas. Mas juntas, formam uma imagem. É sua, de presente". 

            

            Fiquei muito emocionada com a fala e a doçura do gesto. Que presente lindo e significativo carregado de representações e afeto compartilhado. Ganhei mais que uma linda flor, mas a riqueza de olhares, sorrisos e mais uma lição inesquecível de vida. Já nos ensinou Sigmund Freud, o pai da psicanálise, que "precisamos amar para não adoecer".

             Como é fácil fazer alguém feliz. Como é gostoso multiplicar e espalhar o amor aos quatro cantos do mundo. Como é rico aproveitar momentos como este e se beneficiar com toda esta ternura. Está em nossas mãos. 

             

            

  AME AGORA, NÃO ESPERE O AMANHÃ. 

 "Como fica forte uma pessoa quando está segura de ser amada" (Sigmund Freud)



Escrito por sara às 12h11
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]


   

As informações publicadas nesse Blog são independentes da ABRALE
e de responsabilidade única de seus autores.